quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

TRANSPORTE DE CRIANÇAS EM VEÍCULOS

Boa noite amigos(as) e parceiros(as)! Um abraço especial a todos que tiveram treinamento de Direção Defensiva comigo hoje no SEST/SENAT.
Dentre diversas resoluções do CONTRAN a respeito da segurança no trânsito e transporte, existe uma específica para o transporte de crianças que é a Resolução 277/09, sendo a mesma alterada e complementada pela  Deliberação 100/10.
Mas não estou aqui para falar da Lei especificamente e sim do ato de AMOR que você tem quando transporta seus filhos ou outras crianças pequenas nos equipamentos de retenção obrigatórios dê acordo com a idade específica. Em nosso país infelizmente muitas pessoas só cumprem as leis de trânsito pela obrigação de fazê-la e não pela sua segurança nem dos demais participantes do mesmo.
Em relação ao transporte de crianças pequenas em si, é a mesma coisa, pais impacientes, imprudentes ou mesmo imperitos pela falta de conhecimento das leis, transportam seus filhos de qualquer forma, solto no banco traseiro do veículo achando que o mesmo irá suavizar o impacto em caso de colisão. Ledo engano, uma criança por volta de 40 kg sendo transportada no banco traseiro de um veículo que esteja a 60 km/h, sem o cinto de segurança, no caso de choque com algum objeto fixo, será aremessada contra o painel, parabrisa ou mesmo contra o banco da frente e o passageiro que o utiliza com um peso de 840 kg. Este peso equivale ao de um filhote de elefante ao nascer. Uma criança neste peso, sendo saudável terá por volta de oito anos, portanto seu corpo estará em desenvolvimento e devido a isso seus ossos não serão tão fortes como o de um adulto. Pergunto, será que esta criança em desenvolvimento suportará este impacto? Continuo a perguntar, você adulto que está sentado no banco dianteiro do veículo suportará o impacto de um peso tão grande sobre seu pescoço e cabeça sem se lesionar gravemente?
Volto então a dizer o que está no início do texto, usar os equipamentos corretos no transporte de crianças menores, e o cinto de segurança para os demais veículos não é simplesmente cumprir a lei, é um ato de AMO ao próximo e a você mesmo.

Lembrando que, acidentes de trânsito podem ocorrer a qualquer momento e em qualquer lugar, então mesmo que você vá com seu veículo a um local próximo utilize estes equipamentos, mesmo que você pense" estou devagar não tem problema", lembre-se que em caso de colisão com um outro veículo haverá a soma da sua velocidade com a velocidade do outro, e isso pode ser fatal. Isto vale principalmente para crianças pequenas para que não ocorra como no vídeo logo abaixo.

video

Nenhum comentário:

Postar um comentário