segunda-feira, 30 de maio de 2011

GERENCIAMENTO DE RISCO DIMINUI ROUBOS DE CARGAS

Transportadores têm utilizado de vários artifícios para burlar os receptores de cargas nas estradas. Uma medida tem surtido efeito para a maioria delas, é o gerenciamento de risco. A Confenar (Confederação Nacional das Revendas Ambev e das Empresas de Logística da Distribuição) anunciou que suas associadas reduziram em 47% o índice de roubos a bebidas nas estradas, após a implantação desses tipos de sistemas.

Uma estimativa da Associação Nacional do Transporte de Cargas e Logística, de 2010, apontou que o prejuízo com extravios de cargas nas estradas brasileiras chegam a aproximadamente R$ 700 milhões por ano.

Os produtos mais visados pelos ladrões são aqueles mais fáceis de revender no mercado paralelo e de alto lucro para os receptores; entre eles estão alimentos, bebidas, tecidos, eletrônicos, pneus, medicamentos, cosméticos e cigarros, entre outros.

De acordo com a Confenar, a iniciativa do gerenciamento de risco em suas associadas envolveu o cadastro e consulta de veículos, o reforço da utilização de equipamentos rastreadores e a padronização de viagens programadas. Hoje, com 16 mil veículos na frota de distribuição de bebidas (9.200 caminhões), a associação também investiu R$ 30 milhões em seguros no último ano.
 
Dicas da PM
Mesmo com toda a programação e cuidados do transporte da carga sob controle, a Polícia Militar dá dicas para evitar o roubo nas estradas. Confira abaixo as sugestões.
 
Para a empresa transportadora:
- checar sempre a vida passada do motorista que levará a carga.
- orientar o profissional transportador quanto às medidas para evitar o crime
- criar o hábito de desenvolver contatos com a Polícia; com um bom relacionamento é mais fácil deter os meios para se comunicar mais rapidamente em caso de ocorrência.
- estimular a entrega de informações sobre a carga, em caso de roubo, até mesmo com recompensa, inclusive entre os funcionários.
- considerar o uso de sistemas de rastreamento.
 
Para os motoristas:
- use meios físicos de dificultar o roubo como cadeados e correntes.
- mantenha as portas do veículo, inclusive dos reboques e semirreboques, sempre travadas.
- mantenha as janelas do veículo fechadas até alcançar a rodovia, grande parte das abordagens acontece ainda dentro das cidades.
- leve sempre consigo números de identificação do veículo, placa, chassi etc.
- mantenha comunicação permanente com a empresa.
- avise em caso de suspeita.
- não fale sobre a carga pelo rádio.
- quando possível, evitar paradas até o destino final da carga.
- armazene as cargas de maior valor no fundo do baú.
- estacione apenas em lugares movimentados e de boa reputação.
- quando possível encoste a porta do baú contra uma parede.
- cuidado com veículos seguindo você ou perguntando sobre sua carga.
- fique atento para pedidos suspeitos de parada, por possíveis falsos policiais, quando você estiver cumprindo rigorosamente as regras de trânsito.

Nenhum comentário:

Postar um comentário